News

Donald Trump processa os cofundadores da Truth Social e os acusa de má gestão

O ex-presidente dos EUA, Donald Trump, entrou com uma ação judicial contra os cofundadores da Truth Social, alegando que eles deveriam perder suas ações no negócio recentemente aberto devido à má gestão da rede de mídia social, conforme relatório em Notícias da NBC.

O IPO da Truth Social tornou-se público em 26 de março, enquanto a ação foi movida em 24 de março. Trump Media & Technology Group Corp. solicitou que um juiz retirasse as ações de suas empresas dos executivos Andy Litinsky e Wes Moss, alegando que seus erros caros causaram o IPO da empresa ser atrasado. Os argumentos foram apresentados em documentos apresentados na semana passada a um tribunal estadual da Flórida. O ex-presidente alegou que ambos violaram o acordo sobre a configuração e “não merecem a sua participação de 8,6%, atualmente avaliada em 606 milhões de dólares”, segundo a Bloomberg.

Os dois, que participaram do programa de Trump na NBC “The Apprentice”, abordaram-no com o conceito de Truth Social depois que ele foi banido do Twitter após o ataque ao Capitólio em 6 de janeiro de 2021. O processo dizia que isso acabou sendo “uma oportunidade fenomenal para Moss e Litinsky” e que ambos estavam “seguindo o exemplo do presidente Trump”. Acrescentou: “Sem o presidente Trump, o Truth Social teria sido impossível”.

De acordo com o processo, a dupla foi incumbida de criar a governança corporativa do novo negócio e de localizar uma empresa de aquisição com propósito específico que pudesse ajudá-la a abrir o capital e levantar capital. A ação afirmou que eles não tiveram sucesso em ambas as ocasiões.

Em fevereiro, Moss e Litinsky entraram com uma ação judicial contra os negócios de Donald Trump no Tribunal da Chancelaria de Delaware, alegando que ele estava tentando reduzir o valor de suas ações aumentando o total de ações autorizadas da empresa de 120 milhões para 1 bilhão.

Source

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button